Polícia prende o terceiro acusado de ter participação na morte do delegado da PF em São Luís


A polícia prendeu nesta quinta-feira (10), por volta das 21h30, no residencial Amendoeira, no Maracanã, Davi Costa Martins, (Olhão), acusado de ter sido o autor dos disparos que atingiram o delegado da PF, David Farias Aragão. O delegado foi assassinado no sábado (05/05), quando comemorava o aniversário da filha de cinco anos. 

A polícia, com a prisão de Davi, já elucidou o caso ao levar à prisão Wanderson Baldez, (20 anos), e apreendeu Leandro Araujo, (17 anos), que foi apontado como autor das facadas que atingiram as costas do delegado. 

Nenhum comentário

DESTAQUES

Veja vídeo: enfermeira atropela cães de forma cruel em São Luís.

Um caso ocorrido nesta terça-feira (14), tem dado grande repercussão na mídia maranhense e até nacional. trata-se de um atropelamento ...