Presidiário beneficiado com saída de Dia das Mães mantêm a própria família refém em Codó. O desfecho é trágico, veja vídeos.


Por volta das 05:00h da manhã desta sexta-feira (25), policias do 17° BPM de Codó, cercaram a residência de um foragido do sistema prisional de nome Raimundo Nonato Ferreira de Moraes, que foi liberado por indulto do dia das mães e não retornou ao cárcere. Desde então vinha cometendo assaltos na cidade e traficando drogas na sua residência.
O Serviço Reservado localizou o mesmo no Bairro Trizidela, cercou a local e ao dar voz de prisão ao mesmo, ele respondeu com um disparo de arma fogo, e em seguida ameaçou se matar e matar seus familiares afirmando que não iria se entregar em hipótese alguma. A residência foi cercada por policiais de duas guarnições, Serviço Reservado e mais dois delegados e policiais civis que foram para o local.

Após algum tempo de negociações, e atendidas algumas exigências do foragido, o mesmo não se entregou e sempre reafirmando as ameaças, depois de algum tempo liberou o filho mais novo. Por volta das 11:00h, sem perspectiva de avanço ou de rendição do foragido, a equipe da Força Tática lançou gás no interior da residência forçando a saída da esposa e do filho com a invasão do local pelos policiais. Nesse momento Raimundão preferiu tirar a própria vida usando revólver calibre 32.
Esposa sendo resgatada

A ação rápida da guarnição, não conseguiu evitar que não impediu que Raimundão disparasse a arma que empunhava contra o próprio corpo, vindo à óbito no local. 







ASSECOM/17°BPM-Vídeos e fotos produção Blog do Marcos Silva

Nenhum comentário

DESTAQUES

Vigilante é assassinado dentro escola em Imperatriz; polícia age rápido e prende suspeitos

O vigia Jackson Douglas que trabalhava na Escola Municipal Maria Evangelista de Sousa, localizada no Bairro Itamar Guará, foi assassinad...