Pistoleiro linchado em São João do Sóter, foi quem matou o empresario Dêja na cidade de Colinas

Conhecido como Marlon, o homem que matou em São João do Sóter o secretário de Cultura, um vereador, um assessor na mesma madrugada do dia 30 de junho, em São João do Sóter, e assassinou na noite seguinte o jovem Tárcio Rocha, filho do ex-prefeito Clodomir Rocha, foi identificado pela policia como o pistoleiro que executou o empresário Antonio Alves de Morais, conhecido por Dêja. 

Marlon era tido como pistoleiro de alta periculosidade, tendo assassinado várias pessoas em São João do Sóter, mas nunca ia preso. Uma semana antes de promover a morte de quatro pessoas na sua cidade, ele foi contratado junto com outro pistoleiro para assassinar o Dejá e cumpriu sua missão. O empresário era irmão da prefeita de Jatobá.

No dia 30 passado, Marlon exibia mais de R$ 2 mil em espécie na última noite do festejo junino de São João do Sóter.

Durante discussão com um grupo, Marlon atirou pra cima. O secretário de Cultura, Cícero Rocha tentou tomar a arma e foi alvejado, assim como o vereador Antonio da Conceição Aguiar, que foram a óbito no local. O assessor conhecido como Júnior do Nasa teve o mesmo fim.

Na noite seguinte, Marlon estava foragido, mas foi visto pelo jovem Tárcio Rocha, sobrinho do vereador assassinado e filho do ex-prefeito Clodomir Rocha, que foi morto com um tiro na testa. Amigos de Tárcio entraram no matagal e lincharam o assassino até a morte.

luiscardoso.com.br

Nenhum comentário

DESTAQUES

Governo inicia implantação asfáltica da MA-119, entre Santa Luzia e Altamira do Maranhão

Obra é realizada no trecho entre Santa Luzia e Altamira do Maranhão. (Foto: Mário Lima) O Governo do Maranhão iniciou a implantação ...