Polícia Civil de Monção prende suspeito de estuprar criança de 6 anos com paralisia cerebral

Polícia Civil prendeu na manhã desta quinta-feira (26) João Batista Rocha Fernandes, de 27 anos, que é acusado de ter violentado sexualmente uma criança de seis anos de idade portadora de paralisia cerebral. O caso aconteceu no início da tarde de quarta (25) no Povoado Piquizeiro, zona rural de Monção, a 241 km de São Luís.

O caso foi comunicado ao Conselho Tutelar de Pindaré-Mirim, que acionou a polícia. Após investigação da Polícia Civil no local, João Batista foi encontrado em uma área de mato no Povoado Trizidela, também em Monção. O suspeito foi preso, autuado em flagrante pelo crime de estupro de vulnerável e levado para a delegacia regional de Monção.

Nenhum comentário

DESTAQUES

Eleição da mesa diretora da Câmara Municipal de Igarapé do Meio termina vereador rasgando o livro de ata e parlamentar com mandato cassado

A manhã  desta segunda-feira (17), foi tensa na Câmara Municipal da pequena cidade de Igarapé a 233 km de São Luís, com presença de poli...