Pais de gêmeas que morreram carbonizadas se apresentam na Delegacia Regional de Pinheiro


O casal, João Batista Ferreira e Dayane Soares, se apresentaram na Delegacia Regional de Pinheiro, no fim da tarde desta segunda-feira (27).

João Batista Ferreira e Dayane Soares são os pais das gêmeas Solara e Sofia, as bebês que morreram carbonizadas após a casa onde moravam pegar fogo em Central do Maranhão na noite da última sexta-feira (24).

O casal que estava foragido, prestou depoimento ao Delegado Regional de Pinheiro, Dr. Oséias Ferreira Cavalcanti, e foi liberado.

De acordo com o Delegado, Dr. Oséias Ferreira Cavalcanti não viu no momento a necessidade de representar ela prisão preventiva do casal que se demonstrou muito abalado, de modo que já estão sendo penalizados pelas consequenciais naturais que foi a perda das filhas no trágico acidente.

O casal irá responder o processo em liberdade.  


A causa do fogo teria sido um curto-circuito ocorrido em um ventilador da casa. Após o incêndio, outras duas crianças que estavam na casa inalaram muita fumaça, mas conseguiram fugir e não correm risco de morte.

vandovalrodrigues.com

Nenhum comentário

DESTAQUES

Policiais de folga, prendem homem por tentativa de homicídio em Santa Luzia

Por volta das 10h30min do dia 15/11/18, uma guarnição da polícia  Militar de Santa Luzia, recebeu uma ligação do SD Fernando, informando...