Suspeito de esfaquear Bolsonaro é agredido por militantes e preso pela Polícia Militar em seguida


O homem que esfaqueou o candidato à presidência da República, Jair Bolsonaro (PSL), na tarde desta quinta-feira, durante evento em Juiz de Fora, na Zona da Mata, foi identificado como Adelio Bispo de Oliveira, natural de Montes Claros, pouco após ser agredido por militantes do presidenciável, ele foi preso pela Polícia Militar e disse aos policiais que estava cumprindo "ordem de Deus".

Nenhum comentário

DESTAQUES

Policiais de folga, prendem homem por tentativa de homicídio em Santa Luzia

Por volta das 10h30min do dia 15/11/18, uma guarnição da polícia  Militar de Santa Luzia, recebeu uma ligação do SD Fernando, informando...