Brasil - Mulher é acusada de matar dois filhos recém-nascidos para esconder gravidez

Um fato estarrecedor aconteceu na noite da última terça-feira (06) na zona rural da cidade de Curralinhos, interior do Piauí. Uma mulher identificada como Hildelene de Sousa Lima, de 26 anos, teria jogado dois filhos, recém-nascido no mato para ocultara gravidez.
Relatos de populares dão conta de que Hildelene negava a gravidez e que para ocultar a barriga usava duas cintas, até que na noite da última terça (06), a mãe de Hildelene percebeu uma movimentação estranha da filha ao adentrar no mato. Ao voltar pra casa, Hildelene teria ido direto para o banheiro. Tendo certeza que havia algo de errado com filha, a mãe resolver observá-la.
Ao ver o sangue, a mãe pediu que outro filho fosse até o matagal que a filha tinha adentrado para procurar alguma coisa e, para surpresa de todos, um casal de gêmeos foi encontrado enrolados numa toalha.
Versão de Hildelene
De acordo com o que Hildelene comentou com familiares, ela teria sofrido um aborto espontâneo. Entretanto, como ela sempre negou que estivesse grávida, familiares desconfiam que ela teve um parto natural, e para manter a mentira de que não estava grávida, resolveu matar as crianças e planejado voltar para enterrá-las depois.
Hildelene e sua mãe, que descobriu o caso, estão internadas no Hospital da cidade de Demerval Lobão, os fetos foram recolhidos pelo IML onde passam por perícia.


Fonte: Tribuna 316

Nenhum comentário

DESTAQUES

Prefeita de Santa Luzia, França do Macaquinho é recebida com muito carinho por moradores ao inaugurar pavimentação de rua

No final da tarde dessa sexta-feira (16/11), a prefeita de Santa Luzia, França do Macaquinho, foi recebida com muito carinho por morad...